Favoritos

moleskine days #3: dia dos mortos na casa do cariris

por   /  04/11/2009  /  9:50

P1010831

pinheiros se transformou em um pedaço do méxico no día de muertos. o tradicional feriado de chuva deu lugar a um sol absurdamente quente e bonito. a constante melancolia que a gente reforça nessas datas marcadas pelo calendário cedeu espaço a uma felicidade indescritível.

pela primeira vez, em anos, tive um dia de finados alegre, graças a um punhado de amigos queridos e à encantadora repecção de lourdes e felipe, que abriram sua casa dos cariris para fazer uma oferenda a todos aqueles que já se foram, mas que permanecem pra sempre com a gente. a homenageada especial foi a cantora mercedes sosa.

já no convite, lourdes escreveu: “A gente sabe que só na medida em que lembramos daqueles que já são ausência, eles continuam vivos compartilhando nossas vidas. Durante dois dias os chamamos e preparamos o melhor de todo o que eles curtiam. E eles vem. Vem para desfrutar da vida e chegam os mortos crianças e brincam e logo mais tarde, na tarde do dia primeiro os mortos adultos começam a escutar nosso chamado. Porque a morte é um tema da vida que merece ser cantado.”

e se a morte é um tema da vida que merece ser cantado, esqueçamos as lágrimas. no lugar delas, a gente tem que colocar nosso maior sorriso e brindar nossas lembranças com micheladas e margaritas deliciosas. a comida, prefiro nem me alongar, acaba se transformando em um outro espetáculo.

pensando nesse dia, fui procurar um pouco de octavio paz, que minha querida amiga jana tanto leu no último ano.

Para el habitante de Nueva York, Paris o Londres, la muerte es palabra que jamás se pronuncia porque quema los labios. El mexicano, en cambio, la frecuenta, la burla, la acaricia, duerme con ella, la festeja, es uno de sus juguetes favoritos y su amor más permanente. Cierto, en su actitud hay quizá tanto miedo como en la de los otros; mas al menos no se esconde ni la esconde; la contempla cara a cara con paciencia, desdén o ironía”

e acabei descobrindo que, depois de domingo, me tornei um pouco mexicana. obrigada, lourdes e felipe, jana, geno, albie e clara.

com vocês, um moleskine days emocionado, com fotos minhas e do meu amigo talentosíssimo eugênio vieira

P1010746

loudes hernández-fuentes, a mulher das mãos de ouro

P1010758

clara lobo encara as lentes de eugênio

P1010759

água da jamaica para janaína pinho, una michelada para daniela e una margarita para alberto lins

P1010768

felipe ehrenberg, o grande artista

P1010773

o delicioso tamal de mole

P1010774

o mais delicioso ainda tamal de muertos

P1010776

as crianças tinham chegado? ou foi a pimenta que bateu?

P1010781

o pan de muerto, com chocolate

P1010788

os olhos que prestam atenção na conversa

P1010790

a linda combinação de cores

P1010791

o cardápio dos deuses

P1010797

a oferenda ao día de muertos

P1010798

detalhe das caveiras feitas por felipe

P1010799

mais uma parte do altar

P1010801

uma visão geral da parte interna da casa dos cariris

P1010802

detalhe de mercedes sosa

P1010803

P1010804

albie feliz

P1010805

a escadaria que dá para o ateliê

P1010807

P1010808

P1010810

lindos, né?

P1010815

meu sonho de consumo. sou apaixonada por esse bonequinho

P1010816

P1010818

a mesa posta para os próximos convidados

P1010819

eugênio vieira, fotógrafo e gatinho

P1010825

as caveirinhas fofas

P1010833

o mural de recados para nossos mortos

P1010839

P1010841

P1010844

felipe fazendo as contas

P1010843

cantinho dos fumantes felizes

P1010846

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  moleskine days

moleskine days #2: pagode no tatuapé

por   /  03/11/2009  /  20:38

P1010502

sábado de MUITO sol na zona leste. clima de paquera, clima de curtição em família. muito pagode, suor e cerveja. e, pra forrar o estômago, uma deliciosa feijoada. confiram a incusão do moleskine days no pagode do cabral!

ad

luiza adnet, muito educada, pergunta: quer um pouquinho?

P1010516

família que samba unida permanece unida

a

a uniban, definitivamente, não é aqui

P1010518

e a banda pura magia solta um som pra dançar agarradinho

P1010525

P1010529

pequeno benjamin se diverte com nova amiguinha

P1010538

rafael capanema e luiza adnet mostram toda sua ginga

P1010553

tanta energia proporcionada pelo pagode chega deu um colorido à tarde!

P1010555

pausa pra mais feijoada

c

mão na cara pra esconder as espinhas e mostrar os esmaltes, né, amiga?

P1010562

pra posteridade: o dia em que alechandra com x iniciou seu filho na arte do requebra

P1010583

e uma foto que resume a essência do cpstb

P1010588

no mais, uns registros da ensolarada zona leste, feitas no modo pin hole da deliciosa olympus e-p1

P1010591

P1010599

P1010600

P1010601

P1010616

P1010607

P1010623

P1010627

P1010648

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  moleskine days  ·  música

moleskine days #1: zombie walk

por   /  02/11/2009  /  23:43

P1011003

o dia de finados foi de muito sol e alegria. taí uma coisa boa da vida: dar um novo significado às coisas. e um dia assim pedia um passeio de bicicleta, que começou em pinheiros, passou pela consolação, foi até o anhangabaú, desceu para a praça da república, foi até a praça roosevelt e acabou com uma merecida cervejinha.

e sabe aquele dia que pede foto? pois a segunda-feira foi assim. e agora vocês conferem a parte colorida da nossa coluna social. moleskine days estréia hoje, com um coloridíssimo dia de finados cheio de zumbis   =)

P1011004

o cemitério do araçá recebeu centenas de pessoas que foram homenagear seus mortos

P1011005

senhorinhas fofas observam um mausoléu

P1011008

P1011009

P1011017

foi lá que encontramos uma mini-concentração da zombie walk, marcha de zumbis que ocorre todo dia 2 de novembro

P1011026

passamos pela galeria vermelho

P1011023

paula reis aproveitou para fazer um jogging antes de encarar a bike

P1011035

pausa estratégica no qg de romero cavalcanti, que dava os últimos retoques em um vídeo maravilhoso que vocês verão em breve

aa

na praça da república, encontramos essa linda noiva-cadáver

P1011046

o sol não perturbava os homens e mulheres de preto

P1011051

em uma pura demonstração de afeto, casal comprova: os zumbis também amam

P1011055

um outro casal reforça a declaração

P1011057

menina com olhos de gato

P1011058

não é porque já morreu que a gente num vai se preocupar com a maquiagem, né?

P1011063

ficou ótimo o resultado, amiga!

P1011061

que agonia me deu desses alfinetes presos na cara!

P1011064

casal atesta: amar é maquiar

P1011065

noiva sorri. será que quer achar um marido?

P1011066

b

a fofura diabólica da criança

P1011073

após intenso retoque no cabelo, emo faz pose

P1011076

os amigos também

P1011080

a noiva mostra sua felicidade… not!

P1011085

seria a garota ruiva uma vampira?

P1011090

a melhor fantasia da zombie walk: robotinik, aquele vilão do sonic!

P1011092

detalhe do garoto

P1011093

mais amor zumbi

P1011099

P1011101

P1011106

P1011110

esse aí achava que era uma instalação

P1011112

a praça roosevelt fica até bonita desse ângulo

P1011124

amy winehouse é abordada por um fã

P1011132

a bailarina curte a pré-necrose de seu nariz

P1011138

um pequeno zumbi descansa no colo da mãe

P1011140

enquanto as meninas fazem posem de dupla pop

P1011143

lentes brancas voltam à cena, após anos de ostracismo

d

coelhinha zumbi? viva a diversidade!

P1011144

o açougueiro curte sua matéria-prima

P1011146

enquanto um cowboy compõe o cenário com a igreja da consolação

P1011148

harajuku é aqui

P1011154

michael jackson, é claro, foi presença ilustre no evento

P1011155

P1011156

P1011158

P1011160

P1011168

como juntar duas ocasiões em uma única fantasia? curta o natal no dia de finados!

P1011170

michael, em outra fase, mostra seu processo de decomposição

P1011171

P1011173

marilyn monroe não perde a dignidade mesmo depois de tanta porrada

P1011176

menino-caveira _foto de paula reis

moleskine nights #3: jardins

por   /  02/11/2009  /  14:05

domingo véspera de feriado pede uma saidinha. e foi com o espírito jovem que desbravamos a noite paulistana em busca de uns sanduíches gostosos e de umas sobremesas básicas, mas marcantes. o tour incluiu o lotado bar squat, onde contamos com a presença ilustre de membros do twitter como quase 30 mil seguidores (aka @didif) e expoentes do humor do futuro (aka @capanema), além de toda a sorte de gente bonita e bem-humorada.

o passeio continuou por alguns points da consolação, todos lotados, e terminou na lanchonete da cidade, onde quase dissemos a um freqüentador: “paga nossa conta. fica por conta da poupança que teu pai roubou da classe média”. mas o clima era amistoso demais para tal _nos contentamos com sundaes, colegiais e água sem gás.

P1010982

luiza adnet e rafael capanema curtem o romance na frente da bella paulista

P1010953

pinguim miranda degusta sua coca cola no bar squat

P1010956

bruno borela faz pose para a capa de seu futuro livro

P1010968

daniel lima dá uma pausa do live bullying cuja vítima principal é rafael capanema

P1010983

henrique, o pequeno capanema, dá um joinha pro programa de “adultos”

P1010988

taça de sorvete quem curte, pergunta o pequeno capanema

P1010989

lauren e pinguim nem precisam de palavras para responder