Favoritos

Posts da categoria "amor"

Don’t Touch My Mixtape: Hedonism begins at home, por Kleber Pedrosa (Rebel K)

por   /  10/12/2013  /  9:09

Kleber Pedrosa é Rebel K, DJ recifense que é um dos responsáveis pela ótima festa Sem Loção  – e também por trilhas sonoras cheias de novidade e nostalgia.

Para o Don’t Touch, ele fez uma dessas misturas, em uma mixtape intitulada “Hedonism begins at home”, que ele explica:

‘Hedonism begins at home’ é o nome da série de mixtapes que faço regularmente, bastando para isso ter material musical novo que me inspire. Geralmente são músicas que acabo de descobrir, através do continuo exercício de busca de novas sonoridades da música pop (ma non tropo) contemporânea, misturados com outras que penso que podem fazer bom link com esse novo apurado.

Esse mixtape com tons de psicodelia, tem muito de bandas que buscam referências no passado dos 60s e 70s (Moon Duo, Wooden Shjips, Pond, Foxygen, UMO), novos horizontes para a lisergia freak (Connan Mockasin), o retro espacial do Space, costurados pela eletrônica exótica de Perera Elsewhere, os darlings do Arcade Fire, o one man show do Whitey, que combina eletrônica vigorosa com post punk, o climático e delicioso cool disco do twisted Wire, somados ao goth folk do Death in June e o cover do Depeche Mode feito pelo Royksopp.

Alguma dúvida de que a seleção tá deliciosa?

A foto é do Buenaventura Marco.

Se eu fosse você, ouvia! ♥

Hedonism begins at home 20 para DTMM by Rebel K on Mixcloud

Kleber Pedrosa aka Rebel K, DJ, pesquisador de música avançada, produtor de festas, adora fazer mixtapes e segue sua vida onde a música é seu radar!

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

13 músicas para 2013

por   /  02/12/2013  /  18:18

Fiz uma mixtape especial para a Beltrano Musical (que faz, entre várias coisas, o ótimo Popload Gig), com 13 músicas que ouvi MUITO em 2013 ♥

Começa com o remix do Spiritualized para Cut Copy, passa por Keep Shelly in Athens, Unknown Mortal Orchestra, Opala, Darkside, The Orwells, Holy Ghost, King Krule, Kendrick Lamar, The Knife, Daft Punk e termina com Metronomy.

Ouçam! > http://www.beltranomusical.com/noticias/13-musicas-para-2013-e-o-tema-da-nossa-mixtape-do-mes-por-daniela-arrais/

Beltrano Musical – Mixtape Dani Arrais by Beltrano Musical on Mixcloud

Agradecimento especial a Alberto Lins pela arte que ilustra o post!

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

Don’t Touch My Mixtape: 2 anos de Selvagem

por   /  26/11/2013  /  19:15

Sair pra dançar é uma das coisas que mais gosto de fazer. E, toda vez que uma noite é incrível, o mérito é não apenas da minha predisposição para a pista, mas essencialmente de alguma banda ou de algum DJ que consegue me surpreender.

Vi a dupla Selvagem pela primeira vez no meio do ano. A segunda vez foi sábado passado, no Bar Secreto. E confirmei: o som que eles tocam é sensacional!

Na próxima quinta (28/11), o Selvagem comemora dois anos de existência, com uma festa no Madame Satã. Augusto Olivani e Millos Kaiser, que formam a dupla, convidaram uma outra dupla pra animar a pista: os escoceses Optimo.

Alguma dúvida de teremos mais uma noite maravilhosa?

Aproveitando a ocasião, pedi a eles um set especial para o Don’t Touch!

Let’s dance? ♥

A foto é do Jeff Luker.

 

A Selvagem faz festa de 2 anos nesta quinta, no Madame Satã. A dupla Optimo completa a noite > https://www.facebook.com/events/765698120123681/

Selvagem é tanto o nome da dupla formada pelos DJs Millos Kaiser e Trepanado como da festa que fazem no eixo Rio-São Paulo. Na capital paulista, eles organizam mensalmente uma festa dominical no Centro de São Paulo, no Paribar, localizado na Praça Dom José Gaspar, que é considerada uma das melhores da cidade (vide eleição no Guia da Folha em 2012), além de produzir eventos nos quais já contaram com nomes como Justin Strauss (lenda nova-iorquina, o DJ preferido de Basquiat e Keith Haring), Paul Thomson (baterista do Franz Ferdinand), JD Twitch (Optimo), Andy Blake (World Unknown), Severino (Horse Meat Disco) e Eric Duncan (Rub N Tug); no Rio, a Selvagem tem uma residência mensal produzida em parceria com a Comuna, na qual seus DJs tocam por mais de seis horas em festas conhecidas por acabarem só de manhã. A Selvagem promove uma mistura musical livre-associativa que refuta um único gênero musical, preferindo a ideia de que existe música boa e ruim em qualquer estilo, seja disco, rock, eletrônico, funk, soul ou jazz.

amor  ·  arte  ·  especial don't touch  ·  festa  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

Solange, a irmã cool da Beyoncé

por   /  21/11/2013  /  9:00

Solange é a irmã da Beyoncé e autora de uma música que não pode faltar numa boa pista de dança: “Losing You”.

Até aí muita gente sabe, né? E parece que a cantora de 27 anos é só isso. Mas não, ela é bem boa no que faz.

Talvez para não viver na sombra eterna da maravilhosa irmã, ela trocou a super produção do primeiro disco – gravado aos 14 anos, com produtores como Neptunes e Timbaland – por uma postura mais low profile no mundo independente.

Fez cover do Jackson 5 com o Of Montreal, canta uma música linda do Dirty Projectors, estampa a capa da Brooklyn Magazine. E faz músicas que são uma delícia!

Solange se apresenta hoje no Cine Joia, em mais uma edição do Popload Gig.

Fiz uma mixtape no Rdio com músicas de toda a carreira dela e também com suas influências, que vão de Marvelettes a Chaka Khan. Aproveitei e coloquei Ciara, Estelle, Sade, Marvin Gaye, Shuggie Otis, Donna Summer, Erykah Badu…

São 30 músicas, ou quase duas horas de material pra gente já ir começando a dançar!

Se eu fosse você, ouvia! ♥

Solange se apresenta hoje no Cine Joia, em mais uma edição do Popload Gig. Mais em > https://www.facebook.com/poploadgig

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

baby, o mundo é selvagem

por   /  16/11/2013  /  12:30

Cat Stevens mudou de nome, agora se chama Yusuf Islam, e eu fui saber dia desses, quando vi que ele faz show hoje e amanhã em São Paulo. Talvez só soube quase agora porque a música dele, pra mim, parou em algum lugar da memória lá de antigamente, que eu gosto sempre de revisitar.

Aí aproveitei pra fazer uma mixtape chamada Baby, o mundo é selvagem, que de selvagem não tem nada, mas que tem um monte de beleza!

Além de várias músicas deles, tem Neil Diamond, Harry Nilson, Joni Mitchell, Don McLean, Tim Buckley, Carole King, Tom Waits, Rolling Stones, Van Morrison, Crosby, Stills & Nash, Neil Young e mais uma galera.

Tá uma delícia, perfeita para um sábado em que a gente resolve ficar em casa pensando na vida.

A foto é de Li Hui.

Se eu fosse você, ouvia! ♥

Cat Stevens faz shows hoje e amanhã em São Paulo. Mais em > http://www.credicard.com.br/credicardhall/home/index.htm

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

um devendra, um violão

por   /  13/11/2013  /  10:45

Hoje é dia de ouvir o Devendra Banhart ao vivo, e acho que vai ser tãaaao lindo!

Adoro a voz dele, as escolhas que ele faz, as parcerias que ele sai inventando por aí, o apego que ele tem pelo Brasil, o fato dele ter namorado a Natalie Portman e depois ter começado uma linda história de amor com a Ana Kras, o clima que ele cria a cada vez que a gente ouve uma de suas músicas.

Fiz no Rdio uma mixtape com várias músicas que ele tem tocado nos shows mais recentes, misturando também com artistas e bandas que têm a ver com o som dele: de Little Joy a Nick Drake, passando por Damien Jurado, Juana Molina, Karen Dalton, Sufjan Stevens, Vashti Bunyan. E ainda acrescentei canções que ele fez em parcerias com Natalia Lafourcade, Cibelle, Rodrigo Amarante e vários outros.

São 32 músicas pra gente passar o dia ouvindo! Tá uma delícia, viu?

Se eu fosse você, ouvia! ♥

Devendra Banhart toca hoje no Cine Joia, em mais uma edição do Popload Gig. Mais em > http://cinejoia.tv/popload-gig-devendra-banhart

amor  ·  arte  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

25 músicas para ouvir antes do festival planeta terra

por   /  07/11/2013  /  23:30

Sábado é dia de ouvir músicas maravilhosas ao vivo! É o dia do festival Planeta Terra, que traz ao menos três shows imperdíveis: The Roots, Beck e Blur.

Pra animar, fiz uma mixtape no Rdio com 25 músicas pra gente ouvir antes do festival!

A foto que escolhi pra ilustrar é minha e foi tirada em 2009, quando o festival ainda acontecia no Playcenter.

Agora o festival acontece no Campo de Marte (av. Santos Dumont, 2.241, Santana). Lembrando, é neste sábado (9/11), a partir das 13h45.

Enquanto a maratona de shows não chega, vamos curtir Blur, The Roots, Beck, Travis, Clarice Falcão e Lana Del Rey?

Se eu fosse você, ouvia! ♥

amor  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

the xx, um esquenta para o show

por   /  23/10/2013  /  11:00

Quando me apaixonei pelo The XX, vivia um daqueles grandes amores que trazem alegria e aperreio quase na mesma medida.

Quando, pela incontável vez, tudo acabou, ouvi “Sunset” sem parar. Porque nunca alguém havia traduzido tão bem o que eu sentia: I always tought it was sad the way we act like strangers… After all that we had we act like we had never met.

Na paixão, no amor, no sofrimento, na mágoa e na (tentativa de) volta por cima, The XX tem sempre uma música pra confortar o meu coração.

Pra celebrar, fiz uma mixtape com muitas músicas da banda inglesa e mais outras tantas de cantores, cantoras e bandas que eu acho que têm a ver com o som deles. Da óbvia influência do Cure ao Passion Pit fazendo um cover do Cranberries, passando por Portishead, Grimes, XXYYXX, King Krule, Jay Jay Johanson, Metronomy, James Blake, Gil Scott-Heron e mais um monte de coisas que amo muito.

A foto é do Lukasz Wierzbowski. A da banda é do Matthias Clamer.

Se eu fosse você, ouvia no repeat! ♥

The XX é a atração principal do Popload Festival, que acontece no próximo sábado (26) no HSBC Brasil. Mais em > http://popload.blogosfera.uol.com.br/tag/the-xx/

amor  ·  auto-ajuda  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música

don’t touch my mixtape: as canções que você dedicou a mim, por giuliana viscardi

por   /  08/10/2013  /  13:30

Aí a gente se apaixona, mostra um música, recebe outra, cria um repertório de canções que falam sobre nossa história de amor. Lindo, lindo, essa é uma das melhores coisas da vida. Mas aí a relação acaba e, tantas vezes, sobra sofrimento. E aquela vontade de morrer quando, por acaso, o shuffle toca a “nossa música”.

A Giu Viscardi fez uma mixtape de canções assim, que quase não conseguimos mais ouvir. No entanto, quando lembramos sem mágoa, entendemos o quanto elas fazem parte da nossa história. Ela explica:

Depois de quase um ano enrolando a Dani para fazer uma mixtape eu finalmente cheguei num tema: músicas que um dia eu ouvi muito, por embalarem relacionamentos e amores que vivi, mas que depois precisei enterrar, pois as lembranças que elas traziam não eram mais tão queridas como antes.

Bom, daí para abrir o tema, pedindo a colaboração de amigos através de um post no Facebook, e receber quase 100 sugestões em 2 dias foi um pulo. E daí para se emocionar com histórias que chegaram no meu inbox e resolver transformar isso tudo em algo ainda maior foi outro, mas essa história fica para depois.

A seleção de músicas foi feita pensando que a mixtape deveria agradas a meninas, meninos e menines; além de tocar até mesmo quem não teve a sua música enviada ou escolhida aqui. E o mais importante: que ela tivesse o super poder de confortar momentos de fossa, de embalar momentos de amor e de fazer com que essas músicas voltassem à vida.

Todo o processo de escolher e costurar foi devagar (né, Dani?), mas ela finalmente nasceu cheinha de amor pra dar.

A mixtape começa com Bobby Caldwell, passa por Daft Punk, Radiohead, Pixies, LCD Soundsystem, chegando a Cranberries e Massive Atack.

É muito amor!

A foto é da Tamara Lichtenstein.

Se eu fosse você, ouvia! ♥

Giuliana é publicitária, DJ no duo SRY, metade baiana, metade italiana e completamente geminiana.

Também dá pra ouvir a mixtape no Mixcloud.

amor  ·  auto-ajuda  ·  especial don't touch  ·  fotografia  ·  mixtapes  ·  música