Favoritos

o que é o amor pra você hoje?, versão gringa!

por   /  16/02/2011  /  8:00

Um dia o Flávio Martins me escreveu um email assim:

Bom, agora eu tô de intercâmbio nos EUA (perdido numa cidadezinha chamada New Richmond, em Wisconsin, quase congelando) e uma das aulas que eu peguei aqui é produção de vídeo, onde toda semana a gente tem que fazer uma história nova pra passar num telão na hora do almoço pra escola toda. Pensei em usar a sua idéia do “O que é o amor pra você hoje?” e perguntar isso pras pessoas daqui, já que elas pensam bem diferente dos brasileiros.

Falei pra ele que podia perguntar, claro, só precisava dizer que se trata de uma seção do Don’t Touch.

E agora ele me mandou o resultado! Pelo visto, o Flávio aproveitou o Valentine’s Day pra lançar esse vídeo que ficou bonito, fofo e sincero. Adorei muito, assistam! ♥

9 Comentários Deixe seu Comentário

  • Vinícius Lacerda • 16.02.2011 @ 09:30 responder

    Muito bom o vídeo. Já pensaram em fazer com pessoas de diferentes países? Iria ficar bárbaro, eu aposto. By the way, tô cada vez mais apaixonado pelo blog.

  • @carolinaperalva • 16.02.2011 @ 12:08 responder

    Lindo, lindo, lindo! Minha seção favorita do donttouch!

  • Mariana • 16.02.2011 @ 12:46 responder

    Ficou sensacional, Dani! Essa seção é demais =)

  • juliana Hollanda • 16.02.2011 @ 13:31 responder

    Muito lindinho mesmo!!!

  • Izabel • 16.02.2011 @ 13:57 responder

    Nossa! Ficou muito mega fofo! O Don’t touch lançando tendências… Acompanho o blog há mais ou menos um ano e me divirto e emociono muito! Parabéns aos dois! Só uma crítica construtiva quanto ao vídeo: a música ficou um pouco alta, aí atrapalha um pouquinho para ouvir as pessoas falarem! Mas está mto bom!

  • mariana • 18.02.2011 @ 17:47 responder

    muito legal a ideia, é a delicadeza sendo espalhada pelo mundo!
    parabens pelo blog!! sempre me emociono quando o leio

  • Isabelle • 21.02.2011 @ 11:10 responder

    Vídeo e trilha sonora muito boas. Love it!

  • Virginia Soares • 23.02.2011 @ 00:39 responder

    Eu vi esse post a uns dois dias atrás e fiquei pensando nisso…a maioria das pessoas relacionam a ideia de amor a aceitação. Todos querem alguém que as aceite como elas são, assim finalmente alguém reconheceria o seu real valor. Não implicaria esforços para mudar, melhorar ou agradar alguém. Essa ideia nao seria um pouco comodista, um pouco irreal…O amor tb não nos modifica?! É engraçado pq essa ideia de aceitaçao pode até valer para o amor romantico, mas no dia a dia, no amor fraternal, andamos cada vez mais intolerantes e menos “amorosos”

  • amanda • 2.04.2011 @ 11:00 responder

    a trilha do filme ficou linda!

Deixe seu comentário